Sem Limites

Achei o filme muito bom, bem criativo, com ótimas cenas de tirar o fôlego, em algumas partes você se sente confuso mas nada que não se explique na cena sequinte, é o tipo de filme que não exagera e não faz nem tantos esforços para agradar, vale a pena. Eddie é um escritor sem criatividade, que após encontrar um antigo amigo que lhe mostra um poderoso "remédio" que permite acessar 100% de seu cérebro deixando-o com uma mente sem limites, ele começa a se tornar um pessoa com uma enorme capacidade mental, conseguindo com isso fama e poder, mas junto com isso, inimigos e os efeitos colaterais pela falta do medicamento.

Nota: 10,0

Ficha Técnica:

Título Original: Limitless
Gênero: Suspense
Duração:1 hr 45 min
Direção: Neil Burger
Ano: 2011
Classificação Indicativa: 14

Elenco:

Bradley Cooper (Eddie Morra)
Robert De Niro (Carl Van Loon)
Abbie Cornish (Lindy)
Johnny Whitworth (Vernon Gant)
Robert John Burke (Pierce)
Andrew Howard (Gennady)
Patricia Kalember (Sra. Atwood)
T.V. Carpio (Valerie)
Eddie J. Fernandez (Victor)
Ned Eisenberg (Morris)
Lee M. Cunningham (Brylee)

2 comentários:

Rejane Bruck disse...

Encontrei teu blog numa comunidade, gostei e estou seguindo! Segue o meu também? http://rejanebruck.blogspot.com
Bj!

Acácio Arruda Otero Neto disse...

Concordo com você; assisti a esse filme e gostei muito.
Prendeu a minha atenção do começo ao fim.
A cena do sangue no chão me lembrou o Popeye sugando Espinafre algumas vezes que sua latinha estava longe de suas mãos.

Abraços
Acácio Neto
www.acacioneto.com.br

Postar um comentário